Por quanto tempo cozinhar?

15/02/2013 17:17

Como na receita do Arroz à Grega citamos o cozimento da cenoura, e por isso, o papo no Saiba Mais de hoje será sobre: QUAL O TEMPO CERTO DE COZINHAR CADA ALIMENTO?

Muitas pessoas possuem dúvidas na hora de cozinhar um alimento ou outro. Isto porque, cada alimento precisa de um tempo certo para cozinhar.

Existem diversas maneiras de se cozinhar um alimento: por difusão na água, no vapor, na panela de pressão, fritando, assando, braseando, grelhando… enfim, diversas maneira mesmo!

Pensando nisso, o Refoga Caseira, escolheu os 3 métodos de cozinhar mais realizados na cozinha e listou os ingredientes mais utilizados também para que você tenha sempre uma "colinha" na hora do aperto!

Alguns dos alimentos selecionados não são adequados para se cozinhar em algum determinado método de cozimento, portanto colocamos a frase “não apropriado".

Já o tempo estimado foi baseado no tamanho médio dos alimentos, então, antes de retirar o alimento, sempre dê uma conferida no cozimento espetando o alimento com um garfo, ok? Caso você acredite que o alimento está cozido, pegue um pedacinho e experimente, apenas para ter certeza!


Antes, explicaremos as diferenças entre cozinhar na água, no vapor e na panela de pressão:

1. Cozimento na água:
Acontece quando colocamos água em abundância na panela. Quando a temperatura da água atinge 100°C ocorre a fervura alta (onde aparecem as bolhinhas).
Bolhinhas a todo o vapor, pode acrescentar seus legumes, ou sua massa. Você pode até dar uma salpicada de sal na água para começar a temperar seu alimento. Nós preferimos temperar depois de cozidos, mas tudo é uma questão de preferência.
No caso de ser um preparo com carne, sua água será temperada antes de começar a ferver, tá?

Já para os casos de se cozinhar peixes e frutos do mar, melhor optar pela fervura branda (quando as bolhinhas estão no fundo da água e ainda não estão estourando na superfície), a 85°C.

Observação: Não coloque o alimento na água fria, espere a fervura acontecer. Isso porque o alimento perde significativamente seus nutrientes. Mas no caso de sopas não há problemas, pois os nutrientes perdidos estarão no líquido a ser consumido.

 

2. Cozimento no vapor:

Para realizer este tipo de cozimento, o bacana seria você possuir uma panela específica para cozinhar no vapor. Pois a água, em seu estado liquido, não entra em contato direto com o alimento.
Mas não desanime! Hoje em dia, é super fácil de encontrar um cestinho ideal para isso, e o mais legal é que ele se adapta a qualquer tamanho de panela. Olha ele aí na foto:

Observação: Apesar da demora no cozimento, este tipo de cozimento é considerado o melhor para manter mais as características dos alimentos e seus nutrientes. E portanto, deixa os alimentos muito mais saudáveis.

 

3. Cozimento na panela de pressão:

Este tipo de cozimento é conhecido entre todos os frequentadores da cozinha, como o agilizador de cozimento. Isso porque, como vimos acima com o cozimento na água,  quando a temperatura atinge 100°C, inicia-se a fervura. E não adianta deixar a panela por mais tempo no fogo, que esta temperatura não vai aumentar. É 100°C e ponto!

Já com a panela de pressão, o tempo de cozimento é reduzido, justamente porque a panela trabalha elevando a pressão por dentro, o que possibilita um aumento de 20ºC a mais que no cozimento na água, ou seja, 120ºC. Por trabalhar com pressão, a panela de pressão não possui um limite, e é por isso que, existem 2 válvulas de segurança acopladas na tampa (que fazem aquele barulhinho de locomotiva) que eliminam a pressão exagerada que a panela de pressão produz, conseguindo assim, estabelecer uma pressão média em seu interior, e para seu conforto, tornando-se impossível que ela exploda! Então já viu, né? Antes de usar sua panela de pressão, sempre confira se os pinos estão bem encaixados e se não estão entupidos!

Fora isso, a questão de colocar água em abundância serve para este tipo de cozimento também.

Observação: Como no cozimento na água, neste também ocorre perda de algumas vitaminas e alguns nutrientes do alimento. E assim como no caso de sopas, esta desvantagem pode ser descartada. Pois, o líquido com as vitaminas e nutrientes é consumido.

 

Lista de verduras e legumes mais utilizados no dia-a-dia, em ordem alfabética:

Abóbora:

Na água: Entre 20 e 25 minutos (tampada)
No vapor: Entre 25 e 30 minutos
Na panela de pressão: Entre 8 e 10 minutos

Abobrinha:

Na água: Entre 15 e 20 minutos (tampada)
No vapor: Entre 20 e 25 minutos
Na panela de pressão: Entre 3 e 4 minutos

Alcachofra:

Na água:  Entre 35 e 45 minutos (destampada)
No vapor: não apropriado
Na panela de pressão: Entre 10 e 12 minutos

Alho-poró:

Na água: Entre 20 e 25 minutos (destampada)
No vapor:  Entre 25 e 30 minutos
Na panela de pressão: Entre 8 e 10 minutos

Aspargo:
Na água:  Entre 5 e 10 minutos (tampada)
No vapor:  Entre 7 e 15 minutos
Na panela de pressão: Entre 1 e 1½ minuto

Batata:
Na água: Entre 25 e 35 minutos (tampada)
No vapor: Entre 30 e 45 minutos
Na panela de pressão: Entre 10 e 15 minutos

Batata doce:

Na água: Entre 15 e 25 minutos (tampada)
No vapor: Entre 25 e 30 minutos
Na panela de pressão: Entre 6 e 8 minutos

Berinjela:

Na água: Entre 8 e 15 minutos (tampada)
No vapor: Entre 15 e 20 minutos
Na panela de pressão: Não apropriado


Beterraba:

Na água: Entre 45 e 90 minutos (tampada)
No vapor: Entre 50 e 90 minutos
Na panela de pressão: Entre 10 e 18 minutos

 

Brócolis:

Na água: Entre 8 e 20 minutos (destampada)
No vapor: Entre 15 e 20 minutos
Na panela de pressão: Entre 1½ e 2½ minutos

Broto de bambu:

Na água: Entre 10 e 15 minutos (tampada)
No vapor: não apropriado
Na panela de pressão: não apropriado

Cará (Inhame):

Na água: Entre 30 e 40 minutos (tampada)
No vapor: Entre 45 e 50 minutos
Na panela de pressão: Entre 10 e 18 minutos

Cebola:

Na água: Entre 15 e 25 minutos (destampada)
No vapor: não apropriado
Na panela de pressão: Entre 3 e 4 minutos

Cenoura:
Na água: Entre 15 e 25 minutos (tampada)
No vapor: Entre 20 e 30 minutos
Na panela de pressão: Entre 3 e 5 minutos

Chuchu:

Na água: Entre 10 e 15 minutos (tampada)
No vapor: Entre 15 e 20 minutos
Na panela de pressão: Entre 1 e 2 minutos

Cogumelo:

Na água: 15 minutos (destampada)
No vapor: 25 minutos
Na panela de pressão: não apropriado

Couve:

Na água: não apropriado

No vapor: Entre 3 e 5 minutos
Na panela de pressão: não apropriado


Couve de bruxelas:

Na água: Entre 7 e 8 minutos (tampada)
No vapor: não apropriado
Na panela de pressão: não apropriado


Couve-flor:

Na água: Entre 20 e 30 minutos (tampada)
No vapor: Entre 25 e 30 minutos
Na panela de pressão: Entre 10 e 15 minutos

Ervilha:

Na água: Entre 8 e 20 minutos (tampada)
No vapor: Entre 10 e 20 minutos
Na panela de pressão: Entre ½ e 1 minuto

Ervilha-torta:

Na água: Entre 3 e 5 minutos (tampada)
No vapor: Entre 7 e 10 minutos
Na panela de pressão: não apropriado

Espinafre:

Na água: Entre 3 e 5 minutos (tampada ou não)
No vapor: Entre 5 e 10 minutos
Na panela de pressão: Entre 1 e 1½ minute

Feijão verde:

Na água: Entre 20 e 40 minutos (tampada)
No vapor: Entre 25 e 40 minutos
Na panela de pressão: Entre 1 e 3 minutos

Mandioca:

Na água: Entre 15 e 20 minutos (destampada)
No vapor: 20 minutos
Na panela de pressão: Entre 8 e 10 minutos

Mandioquinha:

Na água: Entre 10 e 15 minutos (tampada)
No vapor: 20 minutos
Na panela de pressão: Entre 8 e 10 minutos

Milho verde:

Na água: Entre 5 e 10 minutos (tampada)
No vapor: Entre 10 e 15 minutos
Na panela de pressão: Entre 1 e 2 minutos

Nabo:

Na água: Entre 10 e 20 minutos (destampada)
No vapor: Entre 20 e 25 minutos
Na panela de pressão: Entre 1½ e 3 minutos

Pepino:

Na água: Entre 5 e 6 minutos (tampada)
No vapor: não apropriado
Na panela de pressão: não apropriado

Pimentão:

Na água: Entre 10 e 15 minutos (destampanda)
No vapor: não apropriado
Na panela de pressão: Entre 5 e 8 minutos

Quiabo:

Na água: Entre 10 e 20 minutos (destampada)
No vapor: 20 minutos
Na panela de pressão: não apropriado

Repolho branco:

Na água: Entre 12 e 15 minutos (destampada)
No vapor: 15 minutos
Na panela de pressão: Entre 2 e 3 minutos

Salsão:

Na água: Entre 15 e 20 minutos (tampada)
No vapor: Entre 25 e 30 minutos
Na panela de pressão: Entre 2 e 3 minutos

Tomate:

Na água: Entre 5 e 10 minutos (tampada)
No vapor: 10 minutos
Na panela de pressão: não apropriado

Vagem:

Na água: Entre 20 e 35 minutos (destampada)
No vapor: Entre 15 e 30 minutos
Na panela de pressão: Entre 1½  e 3 minutos

 

Vai me dizer que agora ficou fácil? Bom, essa era a intenção!
 


Crie um site com

  • Totalmente GRÁTIS
  • Centenas de templates
  • Todo em português

Este site foi criado com Webnode. Crie um grátis para você também!